Pular para o conteúdo principal

Ser mãe....

Bem como dizia minha mãe...
Ser mãe é padecer no paraíso.
Coisa contraditória.
Mas é a pura verdade.
Quando são pequenos pensamos que temos o domínio da situação.
Apesar de as vezes bater uma total nóia.
Principalmente se somos mães de primeira viagem.
Quando chega o segundo.
Você pensa.
Vai ser moleza.
Já sei todas as tretas.
Engano seu...
Ninguém é igual.
Situações diferentes acontecem.
Como pode .
Nasceram de mim e são tão diferentes.
Tanto no físico .
Quanto no comportamento.
Pensam totalmente diferentes.
Gostos.
Só combinam em alguns.
Alguns jogos e só.
Um é o sul e o outro o norte.
Eles crescem;
Pensamos.
Agora vamos relaxar.
Que nada .
De novo vem os dizeres da minha mãe.
"Filho criado,trabalho dobrado."
Caraca.
Ela tá certa.
Aliás .
O boca.
Mãe é assim um ser meio fada/bruxa.
"Leva o casaco,não esquece o guarda chuva."
E não é que chovia!!!
Ser mãe de menino.
Para mim uma patricinha da Tijuca/ Joá.
Envolta no mundo Cantão & Phillippe Martin
Criada no colégio de freiras.
Mundo rosa total.
De repente o azul invade meu universo.
Com ele .
Bola.
Carrinhos.
Jogos.
Mas para quem foi criada no meio de primos.
Que adorava fliperama.
Ataris & etc...
Até que tirei de letra.
Mãe presente.
Cri cri até hoje.
Hoje eles cresceram.
Sei que tenho que me tornar um pouco dispensável.
Eles agora tem que seguir as suas vidas.
Com as próprias pernas.
Pois já ensinei.
Agora eles tem que colocar em prática esses ensinamentos.
Esse ninho vazio.
Dói.
È como um luto.
Não temos eles ali no dia  dia .
Suas vidas seguem paralelas a nossa.
Não temos  mais o olho no olho.
O timbre da voz.
O toque .
Horas  de silêncio.
Um vazio.
Quem disse que crescer não dói.







Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Craft room

Bom dia!!!
Quem não quer ter um cantinho só seu??!!!
Aquele espaço que cabe tudo,onde tudo esta milimetricamente no seu lugar,onde podemos,fazer aquela bagunça gostosa na hora que estamos criando...
Um lugar onde só entra aquilo que gostamos,o meu é assim ainda não está totalmente do jeito que quero.
Mas aos poucos eu chego lá....
viajando no mundo dos blogs vi cada um...Aff .
Queria um pouquinho de cada.
Alguns que me chamaram mas a atenção por serem rosas.
Mas não posso ser tendenciosa..
Então ai vai algumas fotos,
Espero que gostem.

Uma menina guerreira.

Conheci uma menina.
Ela tinha 7.
Eu 17.
Sempre tive vontade de ter uma irmã.
Ela se tornou minha irmã mais nova.
Empatia desde do primeiro olhar.
Envergonhada.
Parecia a Emília do Sítio do Pica Pau Amarelo.
Uma graça.
Saíamos juntas.
Cinema.
Teatro.
Restaurantes.
Shoppings.
Tudo que eu via.
Se me lembrasse ela.
Eu comprava para ela.
Moranguinhos.
Sapatos e roupas.
Biquinis.
Isso era um sério problema .
Porque ela odiava biquinis .
Ela foi crescendo.
Mudando.
Tendo opiniões.
Gostos.
Personalidade forte.
Fazia lista de pessoas não gratas.
Era uma figura.
Adorava dançar e cantar.
Sempre que podia eu incluia ela nos meus programas.
Veio a fase da adolescência.
Fase complicada essa.
Cheia de conflitos e paixões.
Dúvidas.
Erros e acertos.
Minha amiga,meio irmã.
Escolheu química.
Não sei se foi um pouco influência minha.
Por meu pai ser um químico industrial.
E eu sempre falo dele com um orgulho imenso.
Ajudei como pude nos estudos.
Porque sabia que ela prometia .
Tem um potencial.
Desde de …

Niver do Filhote...

Hoje é um dia mega especial!
Niver do meu primogênito.
Como tudo passa muito rápido.
Parece que foi ontem.
Filipe é o seu nome.
Primeiro em tudo.
Primeiro filho.
Primeiro neto de ambas as partes.
Primeira vez que me vi mãe.
Sabe como é né?!
Marinheira de primeira viagem.
Muito que aprender.
Errei muito.
Pois filhos não vem acompanhados de manual.
Cada um tem o seu jeito e o seu DNA.
Me lembro como se fosse hoje.
Primeira palavra "Brumm"
Tradução carro.
Sim ele é apaixonado por carros desde de sempre.
Fazia coleções de miniaturas Hot Wheels .
Sempre muito organizado.
Detesta que bagunce seu espaço e suas coisas.
Sistemático e teimoso.
Porém tem um ótimo coração.
Sua essência é linda.
Pena que está lá dentro de uma gaveta.
Guardada .
As vezes acho que é por medo de revelar o quanto é sensível.
Amigo.
Tem um sorriso contagiante.
Aprendi com ele o meu primeiro amor de verdade.
Mesmo com modos de pensar e agir diferentes.
Ele é, e sempre será meu primeiro amor.
O cara que gostava…