Limites.


Tudo na vida tem um limite.
Só que eu desconhecia esse limite.
Tinha mania de abraçar o mundo.
Já não bastava os meus afazeres do dia a dia.
Trabalho.
Casa.
Ainda agregava afazeres dos outros e de quebra problemas também.
Síndrome da mulher Maravilha , que acomete muita mulher.
Fora quando levava tarefas para casa como pesquisas e estudos.
Workaholic e perfeccionista.
Havia dias que teria de estar em dois lugares ao mesmo tempo, impossível
Me alimentava mal.
Dormia mal.
Isso quando eu deitava morta de cansaço e ai cadê o sono ?!
Sem tempo para o lazer.
Só que o acúmulo disso tudo gera distúrbios .
Que afetam a saúde como dores de cabeça,estresse dores abdominais ou gastrointestinais,fora a fadiga.
Até a hora que a pessoa caí doente .
Entre em pane.
E vendo uma matéria vi que todos esses sintomas se resumiam em uma síndrome .
A síndrome de Burnout.
É chegada a hora de dar um tempo.
Desapegar de coisas e pessoas que te sugam ou de alguma forma te fazem mal.
Não é egoísmo .
É sobrevivência.
Tirar férias.
Cuidar-se
Fazer o que gosta, o que te dá prazer.
Ser minimista.
É difícil.
Simplificar seria a palavra.
Sabe aquele ditado "Menos é mais.."
Mais qualidade de vida.
Mais pôr de sol.
Mais livros.
Mais amor por favor.



Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Craft room

Uma menina guerreira.

Como pode isso??!!