Uma menina guerreira.


Conheci uma menina.
Ela tinha 7.
Eu 17.
Sempre tive vontade de ter uma irmã.
Ela se tornou minha irmã mais nova.
Empatia desde do primeiro olhar.
Envergonhada.
Parecia a Emília do Sítio do Pica Pau Amarelo.
Uma graça.
Saíamos juntas.
Cinema.
Teatro.
Restaurantes.
Shoppings.
Tudo que eu via.
Se me lembrasse ela.
Eu comprava para ela.
Moranguinhos.
Sapatos e roupas.
Biquinis.
Isso era um sério problema .
Porque ela odiava biquinis .
Ela foi crescendo.
Mudando.
Tendo opiniões.
Gostos.
Personalidade forte.
Fazia lista de pessoas não gratas.
Era uma figura.
Adorava dançar e cantar.
Sempre que podia eu incluia ela nos meus programas.
Veio a fase da adolescência.
Fase complicada essa.
Cheia de conflitos e paixões.
Dúvidas.
Erros e acertos.
Minha amiga,meio irmã.
Escolheu química.
Não sei se foi um pouco influência minha.
Por meu pai ser um químico industrial.
E eu sempre falo dele com um orgulho imenso.
Ajudei como pude nos estudos.
Porque sabia que ela prometia .
Tem um potencial.
Desde de pequena.
Mas como todo bom relacionamento.
Tínhamos nossas divergências.
Acho que pelo fato de sermos muito parecidas em alguns aspectos.
Veio o primeiro casamento.
Com ele o Lucas.
Muito nova.
Cheia de sonhos.
Separação.
Sofrimento.
Incertezas.
Frágil.
Catou os cacos e foi a luta.
Trabalho.
Faculdade.
Guerreira.
E eu de longe só olhando.
Nascia então a MULHER.
Amor.
Segundo casamento .
Com ele a Duda.
Amor maduro.
Mais uma vez a vida lhe prega uma peça.
O nódulo.
Incertezas.
Medo.
Exames.
Dúvidas.
O cancer.
Mama.
Sofrimento.
Mudanças.
Sem chão.
Operação.
Retirada total das mamas.
Quimio.
Surgia ai a guerreira.
Se fosse comigo nem sei...
Ela estava ali firme e forte.
Por dentro só deus sabe.
Mas por fora.
Mostrou a que veio.
Me senti um grão.
Impotente.
Eu fiquei sem chão.
Perdida.
Minha menina , ali....
Sofri calada.
Sem chão.
Me fazendo de forte.
Cai cabelo.
Sem sobrancelhas.
Sem cílios.
Rádio.
25 sessões
Cansaço.
Ela ali forte.
Pele queimada.
Ela ali sorrindo.
Mostrando ao mundo a que veio.
Não foi a passeio.
Que cancer tem cura sim.
Hoje é o niver dela.
Parabéns!!!!!!!
Minha menina guerreira.
Tudo de melhor que a vida possa te dar.
TE AMO!!!!!!!!






Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Craft room

Como pode isso??!!